26 Caldas Novas
  • sexta, 29 de maio de 2020 as 07:11h

GO: EM ANÁPOLIS, MORADORA COLOCA FAIXA INFORMANDO A VIZINHOS QUE CONTINUARÁ DANDO FESTAS: 'CHAMA A POLÍCIA"

Uma moradora de Anápolis, a 55km de Goiânia, colocou uma faixa na porta de casa informando que continuará dando festas e que os vizinhos podem até chamar a polícia. Uma vizinha, que preferiu não se identificar, disse que, mesmo diante da orientação de isolamento social por causa da pandemia do coronavírus, a moradora reúne amigos. Os vizinhos veem a faixa como uma ameaça.

“Infeliz vizinho (a), vou continuar ouvindo música e reunindo com amigos. Chama polícia ou Batman. E no seu funeral aqui em casa vai ter samba, por favor não demore com isso!

O G1 não conseguiu contato com a moradora que colocou a faixa no portão.

Uma vizinha conta que o ‘recado’ foi colocado na segunda-feira (18), dias após a polícia acabar com uma festa que acontecia na casa durante a transmissão de uma live dos cantores Leonardo e Eduardo Costa, na noite do dia 1º de maio.

“No dia da live, ela resolveu fazer uma reunião na casa dela. Devia ter umas 30 pessoas. Quando foi meia-noite chamaram a polícia, conversaram com ela, mas não adiantou. Estavam bebendo e cantando. A polícia foi novamente, e nada. Depois, às 4h da manhã, a polícia voltou e guinchou o carro dela”, relata a vizinha.

Em entrevista à TV Anhanguera, o capitão da Polícia Militar Janderson Lago disse que, neste período de pandemia, o monitoramento tem sido mais intenso e que muitas pessoas estão aproveitando os shows de artistas pela internet para reunirem amigos em casa, o que pode aumentar a disseminação do coronavírus. O capitão disse ainda que faixa foi motivada pelo fato de a PM acabar com a festa.

“O que motivou essa faixa foi um TCO que foi confeccionado pela Polícia Militar e, a partir disso, desde então, começamos a monitorar essa residência e se ela [moradora] está realmente obedecendo a questão do afastamento social e respeito ao seu vizinho. Ontem [terça-feira (19] estivemos lá nesta rua e ela não estava com som ligado”, relata o capitão da PM.

A respeito da faixa, a PM disse que foi verificada a situação, mas que não há nenhuma expressão que possa caracterizar crime. “A gente não pode fazer nada a não ser respeitar o direito dela de se manifestar com os vizinhos”.

A vizinha conta que, após a moradora ter colocado a faixa, todos estão se sentindo ameaçados e com medo: “Ela ficou brava. Quando foi anteontem ela colocou essa placa intimidando e ameaçando todos os vizinhos. A gente fica com medo”. Apesar de se sentir ameaçada, ela não procurou a Polícia Civil para registrar um boletim de ocorrências.

A PM disse que continua monitorando a residência e que, se voltar a acontecer festas desrespeitando o decreto municipal, a moradora poderá ser autuada por desrespeito e perturbação ao sossego.

Por Guilherme Rodrigues, TV Anhanguera

Foto: Reprodução TV Anhanguera
 

Mais Notícias

Mais Vistos